A História.

Num hai
cousa igual

História de
Riba de Mouro

Situada no Município de Monção, Riba de Mouro é uma freguesia com 13,94 km2 de área e 802 habitantes (fonte: CENSOS 2021), que compreende os seguintes lugares: Aldeia, Bouçó, Carvalho, Cavenca, Cordeiros, Corga, Costa, Cotaros, Cruz Nova, Cruzeiro, Freixo, Fundegos, Gateira, Lijo, Linhares, Pereiro, Portela, Quartas, Ribeiro, Rua, S. Miguel e Vale de Poldros.

 

Localizada no Vale do Mouro, dista cerca de 20 km da sede do concelho e tem limites com as freguesias de Badim, Podame e Tangil (Monção), Sistelo (Arcos de Valdevez) e Gave, Cousso e Parada do Monte (Melgaço).

 

Terra com serra, de campos semeados de milho e cultivo de vinho, chamou-se, ao longo dos tempos, Mou, S. Pedro de Mou ou S. Pedro de Riba de Mouro, e foi ponto de passagem procurado por várias civilizações. Este território seria domínio do lendário e nobre Jusão, emir mouro que lhe teria dado o nome, após conversão ao cristianismo.

Situada no Município de Monção, Riba de Mouro é uma freguesia com 13,94 km2 de área e 802 habitantes (fonte: CENSOS 2021), que compreende os seguintes lugares: Aldeia, Bouçó, Carvalho, Cavenca, Cordeiros, Corga, Costa, Cotaros, Cruz Nova, Cruzeiro, Freixo, Fundegos, Gateira, Lijo, Linhares, Pereiro, Portela, Quartas, Ribeiro, Rua, S. Miguel e Vale de Poldros.

 

Localizada no Vale do Mouro, dista cerca de 20 km da sede do concelho e tem limites com as freguesias de Badim, Podame e Tangil (Monção), Sistelo (Arcos de Valdevez) e Gave, Cousso e Parada do Monte (Melgaço).

 

Terra com serra, de campos semeados de milho e cultivo de vinho, chamou-se, ao longo dos tempos, Mou, S. Pedro de Mou ou S. Pedro de Riba de Mouro, e foi ponto de passagem procurado por várias civilizações. Este território seria domínio do lendário e nobre Jusão, emir mouro que lhe teria dado o nome, após conversão ao cristianismo.

Existem, na freguesia, ainda alguns exemplares de casas típicas do Minho, em granito, com o primeiro andar destinado à habitação e o rés-do-chão ocupado pelas cortes. Uma grande via leva até ao alto de Santo António de Vale de Poldros (1113 metros de altitude), de onde se abarcam lindíssimos horizontes. Pelo caminho, entre o verde da paisagem sobressaem pequenas construções feitas em granito e cobertas com o mesmo material. São as cardenhas, os últimos vestígios de um tempo em que os pastores por ali pernoitavam, longe dos lares, fazendo companhia aos seus animais.

Lendas e Crenças

Lenda do nome
de Riba de Mouro

Segundo a tradição, era senhor de uma grande quinta n’esta ribeira, um mouro chamado Juzão. Perseguido pelos christãos, chegou ao sitio hoje chamado Ponte do Mouro, e alli saltou o rio a cavallo, promettendo a S. Thiago que, se o livrasse d’este perigo, se faria christão; e como escapou, se baptisou e fez christão. Diz-se que é d’este facto que a freguezia tomou o nome de Riba de Mouro.

Um prior

Numa coutada que pertenceu à família de um prior, ainda hoje se diz que ele anda por lá, de batina preta em cima de um cavalo branco e quem lá entra…arrepia-se. Bom, pelo sim pelo não, é melhor não entrar.

Feiticeiras

Viam-se muitas

vezes, ao anoitecer,

luzes a andar de um

lado para o outro e

dizia-se que eram as

feiticeiras a dançar.

Xalgueirôn

Diz-se que há um espírito que deambula por uma coutada conhecida como “Xalgueirôn”.

Almas penadas

Na altura do verão,

durante as regas,

muitos diziam ver

almas penadas no

meio dos campos.

Geografia

Riba de Mouro é uma freguesia de Monção, localizada na vertente da Serra da Peneda, que dista cerca de 20 km da sede do concelho. Tem limites com as freguesias de Badim, Podame e Tangil (Monção), Sistelo (Arcos de Valdevez) e Gave, Cousso e Parada do Monte (Melgaço).

Com uma área de 1394 hectares, compreende os seguintes lugares: Aldeia, Bouçó, Carvalho, Cavenca, Cordeiros, Corga, Costa, Cotaros, Cruz Nova, Cruzeiro, Freixo, Fundegos, Gateira, Lijo, Linhares, Pereiro, Portela, Quartas, Ribeiro, Rua, S. Miguel e Vale de Poldros.

Geografia

Riba de Mouro é uma freguesia de Monção, localizada na vertente da Serra da Peneda, que dista cerca de 20 km da sede do concelho. Tem limites com as freguesias de Badim, Podame e Tangil (Monção), Sistelo (Arcos de Valdevez) e Gave, Cousso e Parada do Monte (Melgaço).

Com uma área de 1394 hectares, compreende os seguintes lugares: Aldeia, Bouçó, Carvalho, Cavenca, Cordeiros, Corga, Costa, Cotaros, Cruz Nova, Cruzeiro, Freixo, Fundegos, Gateira, Lijo, Linhares, Pereiro, Portela, Quartas, Ribeiro, Rua, S. Miguel e Vale de Poldros.

Tempo e Clima

Diz-se que há um espírito que deambula por uma coutada conhecida como “Xalgueirôn”.